Advocacia-Geral prorroga atuação da Força-Tarefa em Defesa da Amazônia

Imprimir: Advocacia-Geral prorroga atuação da Força-Tarefa em Defesa da Amazônia Compartilhamento: Advocacia-Geral prorroga atuação da Força-Tarefa em Defesa da Amazônia Advocacia-Geral prorroga atuação da Força-Tarefa em Defesa da Amazônia Advocacia-Geral prorroga atuação da Força-Tarefa em Defesa da Amazônia Advocacia-Geral prorroga atuação da Força-Tarefa em Defesa da Amazônia
Publicado : 27/03/2020 - Atualizado às : 13:18:14

Imagem: ibama.gov.br
Imagem: ibama.gov.br

A Advocacia-Geral da União prorrogou por mais seis meses a atuação da Força-Tarefa em Defesa da Amazônia. O grupo foi criado em setembro do ano passado para propor ações na Justica contra grandes desmatadores da floresta. A previsão inicial era de a equipe funcionasse até o dia 24 de março, mas diante do grande volume de trabalho, a Força-Tarefa deve manter os trabalhos até 24 de setembro.

São 20 integrantes, sendo 15 membros da Procuradoria-Geral Federal (órgão da AGU que representa judicialmente autarquias como Ibama e ICMBio) e cinco da Procuradoria-Geral da União. Além do grupo, as Procuradorias Federais Especializadas junto ao Ibama e ao ICMBio também fornecem suporte à propositura das ações.

Até o momento, a Força-Tarefa protocolou um total de 45 ações contra 92 pessoas com objetivo de recuperar 60 mil hectares de área desmatada e cobrar R$ 1,3 bilhão dos infratores ambientais. Em ao menos nove ações a AGU já obteve decisão integral ou parcialmente favorável.

A Força-Tarefa pretende ingressar com um terceiro bloco de ações em maio. Já em junho será a vez das ações contra as pessoas responsáveis pelas queimadas que devastaram a floresta amazônica no ano passado.


 
« Notícia anterior
 
Próxima notícia »