Advocacia-Geral participa de evento no Uruguai sobre combate à lavagem de dinheiro

Imprimir: Advocacia-Geral participa de evento no Uruguai sobre combate à lavagem de dinheiro Compartilhamento: Advocacia-Geral participa de evento no Uruguai sobre combate à lavagem de dinheiro Advocacia-Geral participa de evento no Uruguai sobre combate à lavagem de dinheiro Advocacia-Geral participa de evento no Uruguai sobre combate à lavagem de dinheiro Advocacia-Geral participa de evento no Uruguai sobre combate à lavagem de dinheiro
Publicado : 24/10/2019 - Atualizado às : 13:14:33

Foto: AGU
Foto: AGU

A Advocacia-Geral da União (AGU) participa até sexta-feira (25/10) do seminário “Delitos Econômicos e lavagem de dinheiro: sua inter-relação aduaneira-tributária”, que acontece em Montevidéu (Uruguai) desde o dia 21 de outubro com o objetivo de debater estratégias de enfrentamento aos crimes econômicos.  O evento, promovido pela Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento – órgão ligado ao Ministério de Assuntos Exteriores da Espanha – conta com a participação de representantes de dez países latino-americanos, entre membros do Ministério Público, juízes, auditores fiscais e controladores.

No evento, a AGU está compartilhando a experiência da instituição e do Brasil na recuperação de ativos e no combate à corrupção. Na manhã desta quinta-feira (24/10), por exemplo, o assessor especial do advogado-geral da União, Gilson Libório, realizou palestra sobre especialidades processuais na investigação do crime econômico organizado.

Na quarta (23/10), o assessor especial falou sobre a legislação preventiva referente à lavagem de dinheiro e sobre as ferramentas de investigação e novas tecnologias. Também atuou como moderador em um painel que abordava a análise comparativa de crimes ficais e irregularidades fiscais na América Latina.

“A participação efetiva da AGU no seminário demonstra a preocupação do Estado brasileiro no combate à corrupção, que passa necessariamente pela compreensão de que os crimes de lavagem de dinheiro transcendem as fronteiras de um país. Por isso, o aprofundamento do debate com outros países é tão relevante”, avalia Gilson Libório.


 
« Notícia anterior
 
Próxima notícia »