perspectivas futuras

Imprimir: perspectivas futuras Compartilhamento: perspectivas futuras perspectivas futuras perspectivas futuras perspectivas futuras
Publicado : 23/08/2016 - Atualizado às : 18:17:14

Perspectivas futuras

 

                               Considerando a experiência adquirida no período, ainda incipiente, de desenvolvimento das atividades do GTECC, verifica-se que quatro objetivos primordiais deverão ser perseguidos pelo grupo, com vistas a assegurar sucesso às suas iniciativas. São eles:

 

  1. Desenvolvimento das atividades da temporada piloto atualmente em curso, de modo que seja possível avaliar a metodologia e o ritmo do desenvolvimento de seus trabalhos de forma mais adequada, com vistas a definir a melhor forma de trabalho para os futuros grupos;

 

  1. Divulgação de boas práticas de contratações conjuntas, por meio de espaço no site da CJU/SP, com vistas ao compartilhamento das experiências decorrentes do GTTR e, oportunamente, do GTECC, com os demais órgãos públicos interessados;

 

  1. Compartilhamento do conhecimento adquirido até o presente momento, mediante cronograma de capacitação e, principalmente, elaboração de materiais, tais como manuais, cartilhas e videoaulas, para que o grupo possa conviver com a constante integração de novos representantes e de novos órgãos;

 

  1. Busca ou desenvolvimento de ferramentas de informática que racionalizem e viabilizem as contratações compartilhadas almejadas, bem como que reduzam os custos de deslocamento, cópias, servidores e demais despesas administrativas envolvidas na realização de licitações.

 

                               Verifica-se, portanto, que o Projeto Compras Colaborativas tem um enorme potencial de induzir à racionalização e à economia consideráveis no processo de compras públicas, não apenas em âmbito local, mas também nacional, especialmente considerando suas relevantes vertentes de divulgação de boas práticas, compartilhamento de informações, treinamento e capacitação de servidores.

                               Não obstante, é sempre importante registrar que a conjunção de esforços de diversos órgãos para a realização de contratações conjuntas tem permitido a descoberta e a seleção de talentos e perfis técnicos que contribuem para o adequado desenho do objeto das licitações públicas, com descrições e critérios que asseguram a maior qualidade dos bens e serviços a serem contratados pela Administração Pública, e para o consequente aprimoramento dos processos de compras públicas.

                               A esse respeito, cumpre, uma vez mais, reforçar que a iniciativa nasceu da conjunção de esforços de servidores comprometidos com a gestão pública, que têm por finalidade garantir maior economia e qualidade aos gastos públicos. Contudo, para que isso seja possível, a simplificação e a racionalização de suas atividades constitui uma das providências mais importantes nesse processo.